Jejum intermitente


Hoje, partilho convosco o resultado de uma investigação realizada, há uns tempos, sobre o jejum intermitente. É um tipo de alimentação que tem sido adoptado por quem procura formas alternativas de nutrir o organismo, potenciando assim o bem-estar físico.

Intermittent Fasting (IF) é uma prática, pois inclui alimentação, exercício e descanso;
IF não é para todos – antes demais, há que decidir se é a opção mais adequada às necessidades do praticante;
É uma prática que deve ser lenta, simples, pequena e gradual – a experiência pessoal é que vai ditar qual a melhor prática;
IF resume-se a uma máxima simples e clara: por vezes come-se e por vezes não se come;
A flexibilidade é muito importante para quem adere ao IF;
A observação cuidada das próprias experiências é fundamental;
IF exige tempo de adaptação aos sintomas que podem surgir, como dores de cabeça, tonturas, quebras energéticas, etc;
IF exige tempo para percepcionar efeitos práticos;
IF tem os seus momentos bons e tem também os seus momentos maus; a consciência e atenção nos momentos maus ajudam a ter cada vez mais momentos bons;
Durante um processo IF, o foco deve ser a qualidade do processo e não o seu resultado;
IF requer comida de boa qualidade, nas quantidades certas no momento certo;
É fundamental prestar atenção aos sinais que o corpo nos envia;

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s