O rio


Quando pousei os olhos na harmonia que unia céu e terra, os meus lábios separaram-se e os meus olhos cintilaram a par da luz que me percorria o corpo.
O meu peito desesperava por mais.
A cada inspiração absorvia a consciência natural que me abria cada poro.
E a cada expiração libertava sentimentos, pensamentos… um pouco de mim.
Senti-me num momento único de união perfeita com o universo… livre, serena e feliz, como um rio a seguir o seu curso, focado apenas na missão que transporta.

One Reply to “O rio”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s