Clareza – Programa de Transformação

Queres ser mais feliz?

Coaching

Promove a acção sobre si próprio.

Massoterapia

Promove o bem-estar e a saúde física e mental.

Numerologia

Promove o auto-conhecimento.


Ajudo-te a criar clareza na tua vida através de um programa multidisciplinar de transformação pessoal. Trabalho criativa e diariamente contigo para te inspirar a reconhecer o teu valor.

Cria clareza e surpreende-te com o que vida te dá!


Blogue

  • Sou Amor!

    Fevereiro 15, 2020 por

    «Roma! Parabéns amigo!»
    «Octávio, já te disse que não me chamo Roma! O meu nome é Amor.»
    «Ya meu, vou mesmo chamar Amor a um gajo! Que raio de ideia!» – os quatro amigos riem – «Agora vou andar por aí “Oh Amor”. Roma é muito melhor!»
    (visivelmente incomodado) «Não percebo porquê! É exatamente a mesma palavra, só que ao contrário.»
    «Roma é muito mais forte, potente, mais de homem…»
    «E pelo menos não rima com fedor, terror, com…» – avança o Marco.
    «Estupor, pavor…» – reforça o António.
    «Horror…» – carrega o Rodrigo.
    «Pelo menos aprendem palavras novas. A professora de português vai gostar de saber. Mas o meu nome é Amor e não gosto que me tratem por outro nome!»
    «Eh pah! Desculpa lá, mas porque é que te deram esse nome?» – pergunta o Octávio.
    «Sei lá! Talvez por ser o amor dos meus pais. Nunca lhes perguntei.»
    «Não? Porquê? Nunca quiseste saber?» – questiona o Marco, admirado.
    «Nunca pensei nisso. Gosto do meu nome. Nunca o questionei. Alguma vez questionaste o teu?»
    «Não! Claro que não!»
    «Então?»
    «Pois, mas o meu nome é de Homem!» – gargalhada geral.
    «Ok! Gozem o que quiserem, mas pelo menos chamem-me pelo meu nome.»
    «Ok amigo. Não queres que te chamemos Roma. Passamos a chamar-te Amor se conseguires explicar-nos porque te chamas assim.» – diz o Rodrigo.
    Amor inspira fundo, olhando em redor. Logo vê a pairar à sua frente a linda borboleta que o convidou para brincar. Fixa o olhar nela.
    «Aceita! Tu consegues!»
    (enche o peito de ar e confiança) «Ok! Até ao final do dia. Olha, até à festa do meu aniversário no final desta tarde vou descobrir o significado do meu nome e a partir daí vão ter que me tratar por Amor.»
    «Estás muito confiante!» – diz o Octávio.
    «Ya meu! Não precisas ficar obcecado com isso. Na boa! Se não conseguires, tudo bem!» – continua o Marco.
    «Parece que estás com raiva de nós! Não te preocupes meu! Se não conseguires, continuamos a chamar-te Roma.» – diz o António no gozo.
    «Tranquilo! Na minha festa de aniversário, hoje ao final do dia.»

  • Reconhecimento… Estima… Amor

    Fevereiro 8, 2020 por

    Por isso, tenho muitas dúvidas;
    Questiono-me muito se o que estou a fazer faz sentido ou se é uma perda de tempo…
    Se toda a energia que estou a dedicar a determinadas actividades e experiências é um investimento ou um desperdício de energia.
    Tudo isso leva-me a olhar para trás e a perceber o caminho que fiz até aqui.
    A menina que existiu lá atrás
    As várias mulheres que fui como criança, como adolescente, como adulta
    As características não assumidas para não dar parte fraca
    Os preconceitos e as crenças surreais que me levaram a vivências dolorosas, enriquecedoras e desconcertantes
    As mágoas que deixei que me pesassem por anos e anos!

Ver todas as entradas

Subscreve o meu blogue!

Recebe todos os conteúdos no teu e-mail assim que os publicar!

Sou Amor!

«Roma! Parabéns amigo!»
«Octávio, já te disse que não me chamo Roma! O meu nome é Amor.»
«Ya meu, vou mesmo chamar Amor a um gajo! Que raio de ideia!» – os quatro amigos riem – «Agora vou andar por aí “Oh Amor”. Roma é muito melhor!»
(visivelmente incomodado) «Não percebo porquê! É exatamente a mesma palavra, só que ao contrário.»
«Roma é muito mais forte, potente, mais de homem…»
«E pelo menos não rima com fedor, terror, com…» – avança o Marco.
«Estupor, pavor…» – reforça o António.
«Horror…» – carrega o Rodrigo.
«Pelo menos aprendem palavras novas. A professora de português vai gostar de saber. Mas o meu nome é Amor e não gosto que me tratem por outro nome!»
«Eh pah! Desculpa lá, mas porque é que te deram esse nome?» – pergunta o Octávio.
«Sei lá! Talvez por ser o amor dos meus pais. Nunca lhes perguntei.»
«Não? Porquê? Nunca quiseste saber?» – questiona o Marco, admirado.
«Nunca pensei nisso. Gosto do meu nome. Nunca o questionei. Alguma vez questionaste o teu?»
«Não! Claro que não!»
«Então?»
«Pois, mas o meu nome é de Homem!» – gargalhada geral.
«Ok! Gozem o que quiserem, mas pelo menos chamem-me pelo meu nome.»
«Ok amigo. Não queres que te chamemos Roma. Passamos a chamar-te Amor se conseguires explicar-nos porque te chamas assim.» – diz o Rodrigo.
Amor inspira fundo, olhando em redor. Logo vê a pairar à sua frente a linda borboleta que o convidou para brincar. Fixa o olhar nela.
«Aceita! Tu consegues!»
(enche o peito de ar e confiança) «Ok! Até ao final do dia. Olha, até à festa do meu aniversário no final desta tarde vou descobrir o significado do meu nome e a partir daí vão ter que me tratar por Amor.»
«Estás muito confiante!» – diz o Octávio.
«Ya meu! Não precisas ficar obcecado com isso. Na boa! Se não conseguires, tudo bem!» – continua o Marco.
«Parece que estás com raiva de nós! Não te preocupes meu! Se não conseguires, continuamos a chamar-te Roma.» – diz o António no gozo.
«Tranquilo! Na minha festa de aniversário, hoje ao final do dia.»

Reconhecimento… Estima… Amor

Por isso, tenho muitas dúvidas;
Questiono-me muito se o que estou a fazer faz sentido ou se é uma perda de tempo…
Se toda a energia que estou a dedicar a determinadas actividades e experiências é um investimento ou um desperdício de energia.
Tudo isso leva-me a olhar para trás e a perceber o caminho que fiz até aqui.
A menina que existiu lá atrás
As várias mulheres que fui como criança, como adolescente, como adulta
As características não assumidas para não dar parte fraca
Os preconceitos e as crenças surreais que me levaram a vivências dolorosas, enriquecedoras e desconcertantes
As mágoas que deixei que me pesassem por anos e anos!

Recria-te!

«Ok. É justo! Só podemos exigir aquilo que somos capazes de cumprir.» – procurava ganhar tempo – «Então, hãããã… Rúben… eu aceitei a tua abordagem por mensagem porque…» – respirou fundo, escondendo o olhar no chão – «Sentia-me sozinha, precisava de atenção, sentia necessidade de ser desejada e enfim… o facto de ser por mensagem fazia sentir-me em segurança.»
«Doeu?»
«Não. Até me sinto mais aliviada.»
«Óptimo! A tarefa que o Rúben escolheu para ti foi a mesma. Estão em sintonia!» – o Ayur a provocar os dois com um sorriso irónico – «Então Rúben? Disposto a cumprir a tarefa?»
«Lá terá que ser!»
«Podes sempre dizer que não.»
«Não… quero cumprir a tarefa! E queria que a Ana fosse verdadeira sobre o que pensou ontem à noite quando vimos aquele fenómeno da natureza mesmo debaixo da varanda do quarto dela.» – inspirou fundo e procurou coragem dentro de si – «Eu pensei nela! Pensei que o mar estava a dizer que somos duas rochas separadas pelas ondas e pela areia, se bem que unidas por um coração gigante e perfeito. E também que o que mais nos separa é também o que mais nos une! Eu não sou perfeito e tu também não… a verdade é que eu adoro as tuas manias de perfeição imperfeita!»
«Rúben…» – estava sem palavras.
«Não precisas de dizer nada. Temos muito tempo para falar sobre tudo isto. Não será aqui com certeza.»

Testemunhos

Obrigado! Pelo profissionalismo, cuidado, dedicação e eficiência… Senti, pelo suave tom de voz, pela perícia com as mãos e sensibilidade em cada momento… Quando questionado sobre o pretendido, apenas pedi algo que me relaxasse do stress e postura da atividade profissional. Fui então aconselhado para uma massagem (que nem me atrevo a dizer o nome…)… …

Massagem Ayurvédica

A minha numerologia feita pela Cláudia fez-me ter uma percepção mais clara de como sou e como isso influencia o mundo que me rodeia. Com essa ajuda no meu auto conhecimento percebo o que mudar e o que manter. Achei curioso como também nos dá uma previsão de mudança em algumas fases da minha vida …

Numerologia

Encontrei na Cláudia uma disponibilidade total. muito para além de. Foi uma surpresa. Recordo especialmente as experiências de vida que a Cláudia partilhou comigo. Ainda hoje me socorro dos seus ensinamentos, que ficaram lá dentro, e aparecem quando necessário de forma tão natural. É tipo uma arma secreta. Obrigado Cláudia Marques

Life Coaching

Em tudo que possamos ser Inspirar é basilar razão de viver. Disponível, sabes fazê-lo com astucia e generosidade. Que assim seja a tua forma genuína de co-criar a realidade. Com amizade, RB

Co-criação

Era uma experiência que tinha curiosidade… E, gostei muito. Ajudou-me a não desistir dos meus objectivos e insistir. Pois, ás vezes pensamos que já não há solução e afinal há sempre mais uma ideia da qual ainda não tínhamos pensado e pode sempre ajudar. A Cláudia , é uma Coach fantástica. Naquele momento sentimos que …

Coaching Profissional