Honrem a vida!

Há umas semanas, partilhei um vídeo sobre liberdade; vídeo este motivado pelos conflitos sociais que estamos a viver actualmente, por causa das medidas que os governos replicam, por todo o mundo. Como consequência desse vídeo, fui algumas vezes “acusada” de “falta de consciência”. Quem “acusou” não queria trocar ideias; apenas queria “apontar o dedo” a quem tem uma opinião diferente. Com este vídeo pretendo iluminar a consciência que o ano de 2020 me trouxe sobre a “vida normal” à qual tantos querem retornar. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento de clareza!

Partilha que energiza!

limites, liberdade, poesia, escrita criativa

É a partilha que nos energiza! Esse movimento imperceptível de energia… Esse vaivém de Luz… Essa fricção produz energia. Energia essa que é armazenada para novas trocas, novas partilhas!

Limites: Muda de vida

audiovisual, videos, limites, liberdade

Os limites são meios de definir, clarificar e comunicar o que realmente queremos num relacionamento, ou seja, o que estamos dispostos a aceitar dos outros e o que estamos dispostos a dar aos outros. Por isso, são fundamentais para viver relacionamentos saudáveis. Neste último vídeo vamos falar sobre as mudanças que limites saudáveis promovem na nossa vida. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento clareza!

E será que sou apenas o ego?

escrita criativa, crónicas, auto-estima, motivação, meditação

Como posso aceitar a distância, o silêncio em que me escondes? Como posso aceitar o ser constantemente ignorada? Como posso aceitar a fuga constante do sentimento que nos conecta? Como posso aceitar tudo isso em nome do amor e continuar a acreditar no amor-próprio? Será possível alguém que se ama verdadeiramente, aceitar tudo isto? Tenho questionado tanto esta ideia do amor-próprio… Afinal, não consigo questionar o amor que nos une! Resta o amor-próprio…

Limites: tipos de conforto

limites, liberdade, audiovisual, videos

Muitas vezes, temos crenças que nos empurram para situações que nos incomodam, apenas por que nos ensinaram a viver com o peso da obrigação. Nem nos damos conta que essa ideia de obrigação nos rouba a oportunidade de ser livre nas nossas escolhas. Neste quinto vídeo, vamos falar sobre os vários tipos de limite. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento clareza!

Adorei ver-te!

escrita criativa, poesia, auto-estima, felicidade

Voltei atrás… Não era suposto! Estar ali, àquela hora… Que surpresa boa! O coração quase me saltou pela boca, quando te vi! Não te esperava ali! Aquele era o último lugar onde esperava ver-te novamente. E sim, esperava ver-te novamente! Abri um sorriso, que não viste! Apenas o ouviste… E quero acreditar que o sentiste também.

A liberdade é característica de ser!

limites, liberdade, auto-estima, coaching

Como podem perceber, a produção do vídeo de hoje é diferente dos anteriores. Era suposto falar sobre tipos de limite, no entanto parece fundamental falar sobre Liberdade, tendo em conta o que está a passar-se no mundo. A liberdade está subjacente ao conceito de limite e está, de momento, a ser colocada em causa, por todo o mundo. Na próxima semana, publico o vídeo sobre tipos limite. Prometo! Agora falemos de liberdade!

Decidi…

escrita criativa, poesia, felicidade, auto-estima, limites

É tão difícil! Continuar a acreditar quando te escondes! Continuar a acreditar quando foges! Continuar a acreditar quando te mantens em silêncio! Continuar a acreditar quando não respondes! Continuar a acreditar para quê? Vale a pena?!

Limites: profunda consciência do Eu

limites, liberdade, felicidade, momento de clareza

Definir limites ajuda-nos a superar essa fase mais desconectada, pois requer uma profunda consciência do Eu. É sobre isso mesmo que pretendemos falar neste quarto vídeo. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento clareza!

Ego, onde tudo se desenrola!

escrita criativa, crónicas, coaching, relacionamentos, felicidade, motivação

Um relacionamento é um organismo vivo! Ele nasce, cresce e transforma-se! Nasce de nós para nós! Cresce por nós! Transforma-se dentro de nós! O relacionamento romântico floresce para satisfazer as nossas necessidades de prazer; para responder às nossas necessidades de atenção, carinho, admiração e reconhecimento; e para inspirar a entrega e a partilha genuína! Por isso, o prazer sexual satisfaz; a paixão desperta; o amor eleva! E, se olharmos para a forma como cada um pode evoluir para o seguinte, desvendamos sete fases de evolução num relacionamento romântico.

Limites: Refocagem

limites, liberdade, felicidade, momento de clareza

Durante muitos anos, vivi com uma forte convicção que os limites eram como uma parede que me afastava dos outros. Dar sem limites era o meu lema! Fazia sentido, naquela altura… Curiosamente, essa convicção acabou por me afastar dos outros. O meu foco estava desfocado da realidade. E porquê? É o que pretendemos explicar neste terceiro vídeo. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento clareza!

Prazer sexual, paixão ou amor?

escrita criativa, crónicas, coaching, motivação, felicidade, relacionamentos

A vivência humana abre caminho a várias experiências relacionais. Vivemos relacionamentos de amizade, familiares, românticos, sociais, profissionais… Vivemos relacionamentos com mais ou menos intensidade… Vivemos relacionamentos com mais ou menos impacto na nossa felicidade… E foi este impacto que me empurrou para mais uma reflexão sobre relacionamentos. Escolhi o relacionamento romântico por sentir que é o que mais conflito interior provoca. Este conflito interior nasce do choque entre o querer e os ideais que cada um adopta.

Limites: caminho de conexão

liberdade, limites, felicidade, momento de clareza

Neste segundo vídeo, queremos quebrar com a ideia que limite e limitação são sinónimos, pois é esta ideia ilusória que nos leva a aceitar certas medidas que claramente nos roubam a liberdade. Interessa-te? Então, junta-te a nós! Sê bem-vindo a mais um momento clareza!

A preocupação não faz sentido!

escrita criativa, relatos pessoais, audiovisual, fotografias, comunicação intrapessoal, auto-estima, coaching

“Será que pensam que não me sinto bem em casa?” Fiquei preocupada com a reacção da minha família. E essa preocupação levou-me a mais uma epifania. Por que motivo pensariam que não gosto de estar em casa? Por que motivo pensei eu que eles pensam isso? Curiosa a forma como a preocupação nos faz julgar. Este momento a sós beneficia o nosso tempo em casa, uma vez que potencia o meu bem-estar. E quem me ama percebe que preciso desses momentos. Por isso, por que razão pensei eu o que pensei? Isto levou-me a perceber que a forma como percepcionamos e lidamos com os outros é um espelho da forma como nos percepcionamos e lidamos connosco mesmos.

Limites, essenciais à felicidade!

felicidade, limites, vídeo, momento de clareza

Decidi falar sobre limites e a sua importância na nossa felicidade, uma vez que estes facilitam e clarificam os relacionamentos humanos, para além de serem uma forma de expressar a nossa liberdade.

Como é que podemos saber se é paixão ou amor?

escrita criativa, crónicas, felicidade, coaching, auto-estima

Actualmente, vivemos muitas paixões, vemos muitas relações intensas que se esvaziam com facilidade e sem grandes obstáculos. Há quem diga que isso se deve a termos maior longevidade, logo procuramos intensidade, em vez de amor! Talvez por isso exista tanta tendência para se medir a paixão… Será grande ou pequena? Estarei muito ou pouco apaixonada? Há quem queira fazer o mesmo no amor! Quantas vezes ouvimos “amo-te muito”? Amor é amor! Não é grande nem pequeno, não é muito nem pouco. O amor apenas é! Ou amamos ou não amamos!

Partilha esse novo paradigma!

momento de clareza, preconceito, vídeos

Quero o fim do preconceito! E para que o preconceito tenha fim é preciso mudar os seres em que esta ideologia hierárquica de supremacia ganha forma. Para isso, há que mudar a nossa mente! É lá que ela se alimenta. Este vídeo dedica-se a esta mudança.

Escolhe agir, em vez de reagir!

coaching, comunicação intrapessoal, comunicação não violenta, meditação, auto-estima, motivação, escrita criativa, crónicas

Uma pessoa feliz escolhe agir. Uma pessoa feliz aceita e agradece o que a vida lhe atira. Uma pessoa feliz percebe o que pode aprender com cada experiência. Não julga tudo o que lhe atiram, apenas aprende! Adopta o que faz sentido para si.

Transforma o mundo!

momento de clareza, preconceito, vídeos

Recordas-te do primeiro vídeo? Introduzi 2020 como um ano de muito trabalho invisível com um profundo impacto na vida de todos nós. A conversa de hoje é sobre esse trabalho invisível e subtil.

A felicidade é a razão de existir!

transformação pessoal, auto-estima, motivação, escrita criativa, crónicas

E essa é a maior inconsciência que vivemos nos dias de hoje – acreditar que o Outro nos vai fazer feliz, que uma casa ou um carro ou um namorado ou o fim dos problemas é que nos vai fazer felizes; quando os problemas desaparecerem todos, aí sim somos felizes. Já deu para perceber que acreditar nisto não nos leva a lado algum. A felicidade não tem razão para existir. A felicidade é a razão de existir. A felicidade não tem uma causa para existir. A felicidade é a causa da existência. Ela é a causa da existência da realização de uma pessoa, de um relacionamento feliz, de uma profissão feliz, de uma vida feliz. Ela não é o efeito de um objectivo concretizado. Ela não é o efeito da manifestação de uma determinada coisa. Ela é a causa da manifestação de uma determinada coisa.

O direito de ser quem somos é inato!

preconceito, momento de clareza, vídeos

Durante os primeiros quatro vídeos procuramos chamar à atenção para uma ideologia que nos condiciona e manipula a criar sem fundamento. Neste quinto vídeo, queremos falar sobre Vida! Sobre o direito de Ser! Sobre Ser Vida!

A vida a dois é uma utopia!

Não nascemos para ser mulher ou homem de alguém. Não nascemos para ser de alguém. Quando muito, nascemos para partilhar quem somos com alguém. Fomos educados para casar e aceitar tudo o que essa ideia de ser mulher ou homem de alguém acarreta. A verdade é que está na hora de perceber que não nascemos para isso. Nós nascemos para ser nós mesmos! E se assim entendermos, escolher partilhar quem somos com outro alguém, porém o eu e o tu não deixa de existir para que o nós exista. Uma relação é uma vivência a três, contrariamente ao que muita gente possa pensar. O EU vive em comunhão com o TU e o TU vive em comunhão com o EU. Os dois apreciam-se e desenvolvem-se como NÓS, co-existem como seres livres, independentes e co-criadores de mais uma vida! O nosso primeiro filho é a relação que co-criamos com outra pessoa!

A nossa raça é a raça do Ser!

momento de clareza, preconceito, vídeo

Imaginem o que é sentir que temos que discriminar uma parte de nós! E esta ideologia de supremacia racial e étnica empurra-me para uma escolha entre antepassados, entre culturas… empurra-me para um conflito comigo mesma, com a minha origem. Isso é ridículo! Por isso, falar deste tema obriga-me a assumir a minha posição dentro desta ideia de supremacia racial e isso assusta! E muito! Enfim, é um caminho assustador, porém foi este o caminho que escolhi!

Continua a amar…

Escrita criativa, crónicas, transformação pessoal, coaching, auto-estima, motivação

Porque será? Pareço ligada a uma frequência que só ouve crenças surreais e estórias ilusivas… E, depois, é isto! Partilho convosco os insights que me chegam através dessa “rádio” estranha e sem tempo e espaço definido. Mais uma crença me chegou aos ouvidos… Mais um arrepio na espinha… Mais um turbilhão de emoções, sentimentos, pensamentos que culminaram num aglomerado de palavras, que se unem para passar mais uma mensagem de clareza.

Quero o fim do preconceito!

momento de clareza, preconceito, vídeo

Está na hora de ser feliz! Este terceiro vídeo foi pensado apenas para clarificar a motivação por detrás desta série de vídeos sobre o preconceito. Interessa-te?

Cuida da tua semente!

escrita criativa, crónicas, transformação pessoal, coaching, auto-estima, motivação

O amor é uma energia, que faz parte da vida, da Natureza, faz parte de nós. Na raiz da palavra latina, que deu origem à palavra portuguesa amor, está impressa a ideia de semear, se bem que eu prefira definir amor como o acto de cuidar e não tanto de semear, porque a semente já existe dentro de nós. A nossa responsabilidade é cuidar dessa semente, para que ela se desenvolva e floresça. A verdade é que nós não acreditamos que essa semente existe dentro de nós e isso magoa! Nós não acreditamos que somos capazes de viver em amor. Não acreditamos que merecemos esse amor, esse cuidado. E por isso conformamo-nos com a Paixão.

Ora pensem comigo…

preconceito, momento de clareza, vídeo

No primeiro vídeo desta série falamos superficialmente sobre a ideologia de supremacia racial e étnica. Concluímos que esta ideologia provoca conflito, intolerância, preconceito e medo. Hoje, vamos olhar à causa deste problema. Está na hora de quebrar com esta necessidade colectiva de comparar seres. Está na hora de tomar consciência do medo em que vivemos. Está na hora de tomar consciência do porquê deste medo estar a ser instigado em nós há mais de dois séculos. Interessa-te?

Guerra dos sexos: inconsciência

escrita criativa; crónica, transformação pessoal, coaching, auto-estima, motivação

Pensem comigo… Há crenças, ainda hoje, que nos empurram para a referida guerra. Essas crenças continuam a ter um impacto profundo na forma como nos relacionamos com os outros, em especial entre homens e mulheres. Esse impacto apenas existe, porque não temos consciência do quão vazias são. E são propagadas de geração em geração como regras inquestionáveis para vivermos uma vida segura e feliz. Será? Será mesmo inquestionável? Será mesmo para nossa segurança e felicidade? Quantas vezes te disseram que o homem e a mulher são opostos? Quantas vezes te disseram que os opostos se atraem? Quantas vezes te disseram que o homem é forte, nobre e deve dominar? Quantas vezes te disseram que a mulher é frágil, sensível e deve obedecer ao homem?

E assim vivemos em preconceito!

momento de clareza, preconceito, videos

A estrutura hierárquica de supremacia racial e étnica é uma delas. Tema complexo e controverso. Logo, difícil de abordar em poucos minutos, por isso decidi preparar uma série de sete vídeos sobre o preconceito! Neste primeiro vídeo vamos falar superficialmente sobre esta estrutura subjacente à sociedade contemporânea. Interessa-te?

Guerra dos sexos: comparação

escrita criativa, crónicas, transformação pessoal, coaching, auto-estima, motivação

Sinto que procuramos aquilo que não existe nos outros, da mesma forma que nos recriminamos por não existir em nós… Procuramos a perfeição! E daí vem a ideia do ideal! Quantas vezes te perguntaram qual é o teu ideal de mulher ou de homem? O ideal é o que seria perfeito! O perfeito é de si imperfeito, logo nunca seria ideal! Ou seja, o ideal é uma ilusão… O ideal não é amável… A busca do ideal empurra-nos para uma vivência vazia de essência. A busca do ideal empurra-nos para uma impotência amorosa.