Artista natural

Assim que apoiei o meu corpo ansioso na primeira fila pude deliciar-me com o bailado de gaivotas que coreografa quando estende os seus braços refrescantes.

Existência

A flor de lótus dá-lhe força. É uma flor com origem na lama. A busca da luz descobre a sua pureza essencial e desvenda a importância do que somos, em vez de onde nascemos, com quem nos damos ou o que temos.

O porquê de ser…

Continuo a querer sem saber O porquê de assim o ser.

União da meditação com o exercício físico

O truque é concentrar a nossa atenção na respiração. A cada inspiração sentir o ar a percorrer o organismo e a cada expiração controlar o ar de forma a aumentar o tempo da libertação do ar. A cada movimento sentir o nosso corpo, as nossas sensações, os pensamentos que nos provocam, sem permitir que nos alterem as emoções. A ideia é libertar por completo os pensamentos. Deixá-los fluir, se bem que mantendo-os à distância da nossa essência.

Sonho

Foi tão real que nem consigo perceber como posso lembrar-me tão nitidamente do olhar, daquele olhar que me sorriu em sonhos. Não consigo perceber!

2015 – o ano da aprendizagem

Acredita na tua intuição!
Acredita em ti!
Acredita que mereces amar e ser amado!

Amor-perfeito

O encontro entre o mar e as rochas desenhou na areia molhada um coração gigante – sem oscilações, dúvidas e defeitos.

Comunicação Interpessoal

Pensem: quantas vezes no dia-a-dia – no local de trabalho ou mesmo em casa – tomamos decisões condicionadas por experiências do passado, que aparentemente são iguais às que vivenciamos no presente? E será que são? Será lógico pensar que estamos constantemente a viver experiências repetidas e que todos somos iguais?

Símbolo de harmonia

símbolo do arco-íris que compõe a alma humana

Natal, a época da gratidão

O Natal é tão simplesmente um sonho partilhado com todos os que amámos e cuidámos. Ano após ano, reunimo-nos para, com tranquilidade, amor, altruísmo e lealdade, agradecer mais uma vez o caminho único que vivemos de verdade. Assim, o Natal transforma-se numa época única, a época da gratidão.

A comunicação intrapessoal influencia o nosso destino?

E porquê? Pelo mesmo motivo que tudo o resto aconteceu: emoções. São elas que nos controlam e descontrolam; são elas que nos activam e desactivam as defesas; são elas que simplificam e complicam a vida. Ter a capacidade para perceber as emoções - que emoções sentimos, porque as sentimos, o que as provoca e o que provocam elas em nós - é de um utilidade extrema na vida. Com esse conhecimento podemos evitar muitos conflitos, realizar muitos sonhos e conhecer quem somos.